Candidato Aprovado

Como Se Tornar Um Candidato Aprovado?

O que marca o candidato aprovado? Qual a diferença entre o candidato aprovado e o reprovado? Normalmente, no desempenho de prova, a diferença é mínima, de uma a cinco questões na prova objetiva e décimos nas provas discursivas e orais. Entretanto, há uma grande diferença na sistemática de preparação.

Os conteúdos exigidos nas provas estão nos livros, nas apostilas e até mesmo disponíveis gratuitamente na internet. Então, o que faz um candidato aprovado? A resposta é atitude, ou seja, como conduz a sua preparação, diariamente, a fim de acumular o conhecimento necessário ao cargo almejado.

No concurso público, existem milhares de pessoas querendo a aprovação. Esse querer, em síntese, pode ser avaliado de três formas. Na primeira, a maioria dos candidatos querem passar e esperam que a aprovação venha, sem muito esforço. Essa estratégia não funciona, as provas estão extremamente concorridas. O segundo nível do querer envolve decisão. Outros candidatos dizem “eu escolho passar”, tomam a decisão de realmente se dedicar e até mudam suas circunstâncias de vida para investir na preparação, mas ainda não assumem a responsabilidade pela sua preparação e não têm o ímpeto necessário para manter um ritmo consistente de estudo.

O terceiro nível do querer significa o comprometimento. Os candidatos aprovados se comprometem a estudar até passar, dedicando-se sem restrições, sem se abalar com as primeiras reprovações, com disposição para investir e fazer o necessário, pelo tempo que for necessário, sem desculpas ou talvez, até alcançar o cargo ou o nível de remuneração almejado. Quando há esse nível de comprometimento com a preparação para provas e concursos, o resultado aprovação é apenas uma questão de amadurecimento do conhecimento.

Outro aspecto negligenciado por candidatos que têm dificuldade em obter a aprovação é justamente o “como estudar”, porque não é a quantidade de horas de estudo que conta, mas sim a qualidade do aprendizado. No meu caso, experimentei a dificuldade de conciliar estudo e trabalho, tendo apenas três horas por dia para estudar e isso não impediu a aprovação em carreiras de Estado. Obviamente, diversas estratégias foram utilizadas para otimizar o aprendizado.

Para acelerar a aprovação, o Decidi Passar oferece uma série de treinamentos, inclusive, com técnicas para levar o candidato a atingir um alto nível de aprendizagem, estratégias de prova objetiva, discursiva e oral. Com essas técnicas vários candidatos foram aprovados em diversos cargos – Juiz, Defensor, Procurador, Técnico Judiciário, Assistente Administrativo, além da OAB e outras provas. Acesse mais informações no e-book “COMO SE TORNAR UM CANDIDATO APROVADO?” disponibilizado no sitewww.decidipassar.com.br. O futuro está em suas mãos. Quem aprende a estudar escolhe o cargo!

NEYDJA M D MORAIS, Professora, Preparadora de Candidato, Mestre em Direito, Procuradora da Fazenda Nacional de Categoria Especial no DF, ex-assessora de um Juiz Federal da 5ª Região, Co-Fundadora do portal  Decidi Passar, com mais de 25 anos de experiência jurídica e em concursos.